Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

25,75

Classifique:

Futebol Profissional

Itamar Schulle, após derrota no Castelão: "Não vou ficar tomando pancada"

Publicado: sábado,8 de fevereiro de 2020, às 19:18
Por: Alexandre Ricardo

Foram duras as palavras do técnico Itamar Schulle após a derrota por 3x0 para o Fortaleza/CE, pela terceira rodada da Copa do Nordeste. Ao falar da dificuldade em conseguir melhores atuações e resultados, o comandante coral falou da responsabilidade em conduzir um processo mesmo com um curto elenco e jogadores que ainda buscam afirmação.

" Se há um culpado de dar oportunidade a esses meninos que estão entrando, sou eu. Mas não posso agir diferente, porque todos sabem da construção do nosso elenco. Isso leva um período para que você consiga levar o processo. Eu previa que esse momento iria acontecer. E vai continuar acontecendo. Você acaba queimando os jogadores pela falta de opções ", desabafou.

Revelando uma conversa que realizou com a direção, o treinador falou até da possibilidade de deixar o clube, caso as coisas não caminhem da melhor maneira. Na Copa do Nordeste, a Cobra Coral só somou um ponto em três jogos disputados.

" Tive uma conversa interna com Nei Pandolfo, com o presidente. Não estou trabalhando aqui para só pensar no meu salário. Se as coisas acontecerem, vai ser bom para todo mundo. Se não, o primeiro a sair vou sou eu. Não vou ficar aqui de escudo, tomando pancada. No futebol é sempre assim, estoura no treinador. O prazo para a chegada de atleta já se esgotou, não era para ontem nem hoje ", declarou Itamar Schulle.

MUDANÇAS 
" O Didira estava sem condição. Conversei com ele, que sequer treinou porque sentiu a parte posterior da coxa. Não temos colocar jogadores com essa situação em campo. O João Cardoso, por exemplo, dos juniores, ainda está com pouco de dor e vem tratando no clube, tentando ficar à disposição. Qual outro atleta com essa característica nós temos? "

REFORÇOS 
" Se chegarem quatro atletas agora e não chegar com ritmo de jogo, quanto tempo vão levar para ficar em condições? Não é de hoje que estou dizendo, sempre fui muito chato nisso. Temos que continuar tentando construir a casa, com paciência e calma. O torcedor tem que entender essas coisas ".

Ouça na íntegra a entrevista

Foto: Bruno Oliveira/Fortaleza EC

Compartilhe:

Itamar Schulle, após derrota no Castelão: "Não vou ficar tomando pancada"

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.