Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Santa Cruz permanece com a segunda maior invencibilidade na história do Brasileirão

Publicado: sábado,20 de julho de 2019, às 21:27
Por: Alexandre Ricardo

O placar de 2x0 do Ceará sobre o Palmeiras/SP, na noite deste sábado(20) pela 11ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, marcou a primeira derrota do clube alviverde desde o 16º jogo da edição do ano passado. Atuais campeões, os paulistas chegaram à terceira maior invencibilidade da história da competição.

Os dois primeiros postos são da década de 70, quando o Brasileirão era disputado num formato diferente, com bem mais partidas. Entre outubro de 1977 e julho de 1978, o Botafogo/PB conseguiu passar 42 jogos sem perder. Logo atrás, vem o Santa Cruz, que ficou 35 jogos sem ser batido. Foram 22 vitórias e 13 empates, do dia 7 de dezembro de 1977 até 23 de julho de 1978.

O Palmeiras do técnico Luiz Felipe Scolari atingiu 33 partidas, sendo o time com melhores números na era dos pontos corridos, implementada em 2003. O Verdão também ostenta a quarta maior invencibilidade, essa entre 1972 e 1973. O recorde da competição disputada em 38 rodadas pertencia ao arquirrival Corinthians/SP, que permaneceu imbatível por 19 partidas, que compreende a um turno, de 2010 a 2011.

SANTA CRUZ HISTÓRICO 
Givanildo, Betinho, Carlos Alberto Barbosa, Alfredo Santos. Alguns dos nomes responsáveis por um grande ano de 1978 no Santa Cruz. No Campeonato Pernambucano daquele ano, o Mais Querido conseguiu o seu 16º título perdendo apenas um jogo e vencendo os três turnos da competição. No Brasileirão, um dos maiores conjuntos na história do clube coral foi líder de dois grupos até chegar nas quartas de final, onde foi eliminado pelo Internacional/RS.

Foto: Santa Cruz Futebol Clube

Compartilhe:

Santa Cruz permanece com a segunda maior invencibilidade na história do Brasileirão

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.