Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Diretoria preza por "medidas internas" para focar nos próximos desafios do ano

Publicado: sexta-feira,29 de março de 2019, às 08:30
Por: Alexandre Ricardo

Ser eliminado nas quartas de final do Campeonato Pernambucano, dentro de casa e diante de uma equipe com menor investimento, obviamente não estava nos planos do Santa Cruz. Agora, virando a chave de maneira rápida, o Mais Querido tenta focar nos importantes desafios que terá pela frente, entre as copas do Nordeste e do Brasil.

A direção tem tomado uma postura de intervenção, falando diretamente com a torcida após a derrota para o Afogados da Ingazeira. Logo ao ser encerrada a coletiva do técnico Leston Júnior, no pós-jogo da quarta-feira(27), o presidente Constantino Júnior também falou com a imprensa e, apesar da tristeza com o resultado, mostrou serenidade ao prezar pela confiança no planejamento.

" Estamos tristes pelo o que deixamos de jogar. Um jogo não condizente com a nossa história e tradição. Mas vamos seguir firmes no projeto, de readequação do clube. Honrando os compromissos em dia, trabalhando na gestão. Vamos manter os jogadores motivados, claro que com a necessária vigilância. Tomando medidas, mas sem agonia. O foco principal passa a ser a classificação na Copa do Brasil ", ressaltou o mandatário coral.

Na quinta(28), foi a vez do executivo de futebol Luciano Sorriso dar a sua versão sobre como a equipe coral deve dar a volta por cima e conseguir reencontrar os bons momentos. Ciente da pressão que naturalmente se instala, o dirigente também procurou ponderar sobre a administração entre cobranças e demonstrações de apoio. 

" Ações vão ser feitas. O vamos procurar é dosar esse tipo de situação. Não posso chegar no vestiário e dar porrada. Eles (jogadores) precisam do nosso apoio, temos uma grande decisão contra o ABC/RN, a partir da próxima semana. Mas nada vai passar ileso diante dessa derrota. É momento de falar menos e fazer mais. Jamais se pode apontar dedo, tomar medidas drásticas. Todos estavam muito tristes, com vergonha. Bravos por não ter conseguido o resultado positivo ", disse o executivo.

Foto: Assessoria de Imprensa/Santa Cruz

Compartilhe:

Diretoria preza por "medidas internas" para focar nos próximos desafios do ano

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.