Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

68,6666666666667

Classifique:

Futebol Profissional

Com vínculo até dezembro, Allan Vieira aguarda contato do clube

Publicado: quinta-feira,1 de novembro de 2018, às 12:09
Por: Alexandre Ricardo

Com direitos ligados ao Santa Cruz desde 2016, o lateral-esquerdo Allan Vieira ainda não teve seu futuro definido no clube tricolor. Após terminar a disputa da Série C como titular da equipe, o jogador de 28 anos aguarda o posicionamento da diretoria para conversar acerca de uma possível renovação de contrato. 

No discurso que vem sendo tomado nas últimas semanas, a situação do atleta não surge como uma prioridade, já que ao contrário de Allan, boa parte do elenco teve contrato encerrado no mês de setembro. Sendo assim, uma permanência certamente será avaliada pela nova comissão técnica, já que a contratação do treinador deve acontecer em novembro.

Do outro lado, o lateral não esconde o desejo em partir para sua quarta temporada vestindo a camisa coral. Em 2015, participou do acesso à Série A do Campeonato Brasileiro. No ano seguinte, foi campeão do Pernambucano e do Nordestão, sendo emprestado durante todo ano de 2017. Porém, Allan Vieira não esconde os problemas do passado que fazem parte do presente. 

" Meu planejamento para o ano que vem não tem nada certo. O clube ainda não me procurou, ficamos uma a duas semanas de folga depois da eliminação na Série C. Me chamaram, houve um acordo que ainda não foi cumprido. Deste ano, só recebi dois salários. De moradia, tive que tirar do meu próprio bolso ", revelou o jogador, em entrevista ao site Superesportes

Nesta temporada, retornando após um empréstimo ao Red Bull Brasil/SP, Allan Vieira disputou 12 partidas pelo Santa Cruz na disputa da Terceira Divisão, todas elas como titular. Lamentando o fato do acesso ter escapado, o atleta falou das críticas que sofreu e porque ainda enxerga um futuro nas Repúblicas Independentes do Arruda. 

" Acabou o jogo contra o Operário, fui para o hotel e não queria falar com ninguém, nem com minha própria família. Aí você entra na internet e vê torcedor dizendo que entreguei o jogo, essas coisas. Mas nós dentro da quatro linhas é que sofremos, quem está fora acaba sendo poupado. Mas sou torcedor do clube, até mesmo longe torço para o Santa Cruz. Foi onde pude encontrar uma vitrine ", disse Allan Vieira.

Compartilhe:

Com vínculo até dezembro, Allan Vieira aguarda contato do clube

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.