Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

58,8571428571429

Classifique:

Futebol Profissional

Mirando formação do novo elenco, Santa Cruz busca lapidar atletas da base

Publicado: segunda-feira,17 de setembro de 2018, às 17:04
Por: Alexandre Ricardo

Com o elenco principal de férias, o trabalho no Santa Cruz tem sido de atenção especial às categorias de base do clube. Enquanto três categorias (Subs-15, 17 e 20) disputam o Campeonato Pernambucano, a direção coral tem traçado um planejamento para utilização de alguns destaques no time de cima. 

Entre pratas da casa, jogadores sob contrato, atletas que acertarem suas renovações e novos contratados, a expectativa é que o Mais Querido inicie a pré-temporada 2019 com em torno de 24 nomes à disposição. Desses, oito devem ser provenientes da equipe Sub-23 e seis do time Sub-20, ambos comandados pelo técnico Rômulo Oliveira. 

" Estamos realizando de duas a três reuniões por semana sobre esse assunto. Ja fizemos todo levantamento técnico, de condicionamento físico. Também discutimos o que temos a melhorar de aspectos nutricionais. Fizemos uma lista principalmente das categorias Sub-17 e Sub-20, filtrando nomes que certamente vão aparecer na equipe principal em 2019 ", falou Ênio Faustino, diretor da base, em entrevista à Rádio Jornal.

Alguns jogadores como os meias Willams Luz e Walisson já sabem o que é vestir a camisa tricolor em competições profissionais. Essa pressão é um dos assuntos mais trabalhados pelo Santa Cruz, que tenta fazer com que os jogadores subam com um certo grau de maturidade. 

" Vamos dar todas as condições possíveis aos atletas, que vem desde a situação psicológica, já que o peso de defender a camisa do Santa Cruz é grande. O clube tem tradição de colocar os meninos para jogar. Não adianta dar todo suporte, como Centro de Treinamento e alojamento, e não lançar. Estamos dando todo apoio, instruindo, chamando para conversar ", disse Ênio. 

ASPIRANTES 
" Foi uma competição de grande valia para o clube, onde utilizamos atletas de até 18 anos para encarar grandes agremiações do futebol brasileiro. Por exemplo, derrotamos o Grêmio que tem um time que joga junto desde os 13 anos de idade. Uma das melhores bases do país. Encaramos de igual para igual outras equipes. Claro que o trabalho está longe da excelência, mas estamos num bom caminho ".

 

Compartilhe:

Mirando formação do novo elenco, Santa Cruz busca lapidar atletas da base

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.