Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

34,3333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

Cinco atletas com contrato encerrando não podem disputar o Brasileiro em 2018

Publicado: sexta-feira,31 de agosto de 2018, às 10:59
Por: Alexandre Ricardo

Com o prazo se encerrando para novas inscrições nas Séries A e B do Campeonato Brasileiro, os clubes vão apostando no mercado das divisões inferiores para realizarem as últimas contratações do ano. E a Série C, que vai entrando na fase semifinal, entrou na rota das transferências.

Depois de 12 clubes serem eliminados na primeira fase, os elencos de Santa Cruz, Náutico, Atlético Acreano e Botafogo da Paraíba são alvos de interesse dos clubes das duas principais divisões do futebol nacional. Com boa parte do plantel encerrando contrato neste ano, o Mais Querido é um exemplo claro desse processo. 

Dois jogadores que chegaram por empréstimo devem disputar a Série A. O atacante Robinho, que pertence ao Ceará, se apresentou no clube alvinegro e deve reforçar o Vozão na competição nacional. Já o volante Willian Maranhão, com direitos ligados ao Boavista/RJ, pode ser emprestado novamente, já que despertou atenção de clubes como Vasco da Gama e Vitória/BA. 

Porém, cinco nomes do elenco que terminou a disputa da Série C estão impossibilitados de serem transferidos para disputar o Brasileiro. De acordo com o Regulamento Geral da CBF, um atleta não pode defender três clubes diferentes num mesmo ano, em competições nacionais. 

São os casos do zagueiro Sandoval, do volante Eduardo, dos meias Jailson e Valdeir, além dos atacantes Pipico e Leandro Costa. Todos eles disputaram a Série D do futebol brasileiro antes de chegarem às Repúblicas Independentes do Arruda, somando o segundo torneio nacional ao defenderem o Mais Querido na Terceirona. 

Destaque do Central, vice-campeão pernambucano, o atacante Leandro Costa defendeu a Patativa na primeira fase da Quarta Divisão. Já o meia-atacante Valdeir, contratado após um esforço burocrático da diretoria, chegou a vestir a camisa do Novorizontino/SP em uma partida da Série D. 

Os outros três chegaram mais longe. Eduardo foi titular na eliminação do Itabaiana/SE pela segunda fase da competição, fase derradeira também para Jailson, um dos destaques do Fluminense de Feira de Santana/BA, que caiu para o Moto Club/MA na segunda etapa. 

O principal nome do Santa Cruz na Série C apresenta o mesmo caso. Pipico marcou quatro gols pelo Macaé/RJ na disputa da Série D, mas o clube carioca ficou pelo caminho. Sendo assim, o artilheiro coral não pode ser contratado para disputar o Brasileirão nesses meses restantes do ano, um fato que pode auxiliar na sua permanência.

Compartilhe:

Cinco atletas com contrato encerrando não podem disputar o Brasileiro em 2018

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.