Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

80,1111111111111

Classifique:

Futebol Profissional

Principal personagem, Vítor celebra primeiro gol de falta e agradece companheiros

Publicado: segunda-feira,20 de agosto de 2018, às 15:14
Por: Alexandre Ricardo

O contexto foi muito significativo para o lateral-direito Vítor, autor do gol da vitória coral sobre o Operário/PR, no jogo de ida das quartas de final da Série C. Além de balançar as redes num momento importante, o jogador revelou que ainda não havia feito um gol de falta na carreira. 

O lance começou com Arthur Rezende cobrando de um pouco mais longe. A bola foi interceptada por um adversário, que utilizou o braço. Na segunda tentativa, o principal cotado para finalizar era Carlinhos Paraíba, que deixou para Vítor. O camisa 2 tricolor falou sobre a jogada, divindo os méritos com os companheiros e relembrando uma conversa que teve com a esposa. 

" A verdade é que não era pra eu bater. Normalmente quem chega, é quem treina mais que eu. Não treino tanto quanto o restante do grupo até pela idade, no fim do treino o desgaste pesa. Pelo respeito que eles têm por mim, deixaram que eu batesse. Estava confiante e pude fazer o gol. Sempre olhava gols de falta na televisão e falava que gostaria de fazer um. Minha esposa falava para que eu treinasse que a hora iria chegar. E pude ajudar num momento que a equipe precisava ", disse o lateral. 

Na comemoração, o jogador de 36 anos se mostrava bastante emocionado. De acordo com ele, passa um filme na cabeça relacionado à lesão grave que sofreu durante a Série B do ano passado. Apesar da idade, Vítor quer continuar jogando por pelo menos mais um ano. 

" É até difícil de explicar, passa tudo na mente. Tive mais dificuldades do que a própria lesão, já vivi momentos piores. Com cinco meses, estava treinando normalmente e voltei a jogar no final do ano. Meu pensamento é de jogar mais um ano, chegar em 2019. Tenho essa vontade de continuar aqui, minha família está muito bem adaptada à cidade. Vamos fazer as coisas bem feitas durante essa semana para que a gente chegue ao acesso ", respondeu. 

JOGO DA VOLTA
" Nunca joguei lá, só conheço por vídeos. Mas sabemos da força deles dentro de casa, tanto que não perderam ainda. Muito por essa força, eles saíram comemorando o placar de 1x0 porque era o placar mínimo. A vitória dentro de casa era o que a gente queria, para chegarmos fortes na volta. Estamos cientes que vamos enfrentar uma equipe forte ". 

SISTEMA DEFENSIVO 
" Às vezes a gente foca muito na defesa, que não está levando gol. Mas a ajuda dos jogadores da frente faz a diferença, porque a bola chega mascada, sem que o adversário avance com tranquilidade. Estamos há quatro jogos sem levar gols e espero que passemos mais um. Temos que melhorar, vamos trabalhar e se que tiver que sofrer, vamos procurar fazer também ". 

TORCIDA 
" Foi emocionante. A torcida do Santa Cruz é paixão, eu já tinha vivido antes. Muitos dos que não estavam aqui, puderam presenciar. É de arrepiar ter 50 mil pessoas no estádio apoiando, algo que fica marcado para o resto das nossas vidas. Eles nos ajudaram bastante a construir esse resultado e vamos fazer uma grande preparação para colhermos nossos frutos no próximo fim de semana ".

Compartilhe:

Principal personagem, Vítor celebra primeiro gol de falta e agradece companheiros

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.