Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Diretor-médico confirma e Hericles passará por tratamento intensivo no púbis

Publicado: quinta-feira, 31 de maio de 2018, às 19:57
Por: Alexandre Ricardo

O que era especulado, se tornou oficial nesta terça-feira(31). Antes do treino no gramado do Estádio do Arruda, foi concedida uma entrevista coletiva com o vice-presidente médico do Santa Cruz, Antônio Mário, e o meia-atacante Hericles, que mais uma vez foi afastado dos trabalhos no campo por conta de dores no púbis.

O jogador de 22 anos ficou de fora por quase dois meses, depois da partida contra o Confiança/SE no dia 28 de março, pela Copa do Nordeste. Depois de ser relacionado contra o Botafogo/PB, na Série C, Hericles foi acionado nos minutos finais da goleada sofrida para o ABC/RN, no último dia 22 de maio. 

Desde então, as dores voltaram a incomodar e o departamento médico decidiu por afastar o atleta definitivamente dos treinamentos. Porém, um prognóstico do tempo de recuperação não quis ser estabelecido por Antônio Mário. 

" O que precisamos entender são as causas dessa patologia, dessa dor no púbis. No esporte, compromete jogadores de futebol, de voleibol, corredores. Quando Hericles chegou, decidimos conversar e ficamos cientes de que precisávamos equilibrar a condição do jogador. Ele está ciente de que, no momento, é necessário se afastar não só dos treinamentos, mas da cobrança que recebe para voltar. Queremos fechar todos os protocolos e determinar o tempo de retorno ", explicou o médico.

O diagnóstico não está totalmente encerrado, tendo em vista que o departamento médico coral vem tentando encontrar outras causas para as constantes dores que incomodam o jogador. Apesar da tristeza, Hericles aproveitou para falar que a necessidade é mais forte neste momento, prometendo à torcida coral que voltará melhor preparado. No início do mês de março, teve contrato renovado até o fim de 2019. 

" É uma notícia difícil de recber. Um atleta de 22 anos, vivendo uma boa fase. Mas tenho que tratar. Vai ser bom para mim, para o clube. Desde o início da temporada, não conseguir jogar uma partida 100%. Eu acho que algumas das minhas qualidades foram tiradas com essa dor. O chute, a arrancada. Tenho uma finalização chapada que fiquei impossibilitado. Isso tudo me fez pensar muito. Estar no Santa Cruz é um sonho e, em campo, poderia mais atrapalhar do que ajudar meus companheiros ", argumentou. 

A remota possibilidade de intervenção cirúrgica não foi descartada, mas o vice-presidente médico do Mais Querido lembrou que maiores detalhes ainda serão estudados para deixar Hericles pronto o mais rápido possível. 

" Ele sempre pergunta se vai ficar bom. Mas não é uma patologia nova para o Santa Cruz. Tivemos exemplos de jogadores que trataram e depois voltaram, como é o caso de Eduardo Brito. 95% desses casos são tratados sem precisar de intervenção cirúrgica. Se for descoberto, nas investigações que estamos fazendo, que demande essa necessidade, vamos avaliar. Pela Série C ter um calendário curto, nos esforçamos para deixar Hericles à disposição e depois cogitar um tratamento intensivo. Mas chegou um momento delicado e isso necessita de tempo e repouso ", disse Antônio Mário.

Compartilhe:

Diretor-médico confirma e Hericles passará por tratamento intensivo no púbis

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.