Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

41,2

Classifique:

Futebol Profissional

Adriano Teixeira crê em injustiça no resultado e revela tristeza com circunstâncias

Publicado: sábado,19 de maio de 2018, às 22:55
Por: Alexandre Ricardo

Foi em tom de lamentação que o auxiliar Adriano Teixeira analisou a derrota para o Botafogo/PB, por 3x2 no Estádio do Arruda. Substituindo o técnico Paulo César Gusmão, expulso na rodada anterior, o profissional da casa enxergou um Santa Cruz melhor dentro de campo, tomando o placar final como injusto.

Perguntado sobre uma possível falta de maturidade para manter o resultado quando o marcador apontava 2x1 para o time tricolor, Adriano Teixeira deu sua opinião acerca do que viu principalmente no segundo tempo. 

" O sentimento é de tristeza pela forma como foi o jogo. Lamentamos pelo o que os atletas fizeram dentro de campo, saímos com aquele sentimento de que poderíamos ter ganho o jogo. Tivemos várias oportunidades de matar o jogo e não conseguimos. A partida estava tranquila, acho que dominamos durante boa parte do tempo. Acredito que o resultado foi bastante injusto ", avaliou. 

Do outro lado, o meio-campo Marcos Aurélio é o principal destaque da equipe do Botafogo/PB, e apesar de não ter balançado as redes ajudou diretamente no lance que originou o gol de empate, marcando o 2x2 no placar. Adriano Teixeira reconheceu que do outro lado havia um time muito difícil de se enfrentar, e qualquer erro poderia ser fatal.

" O Botafogo/PB tem uma grande equipe, alertamos durante a semana que não poderíamos deixar o Marcos Aurélio livre com a bola, o forte dele é o chute. Não priorizamos a marcação individual, marcamos por zona como vínhamos jogando. Tentamos propôr nosso estilo, não podemos mudar por conta de um jogador. Todo time deles foi importante ", ponderou Adriano.

FUTURO
" Não podemos seguir lamentando porque já temos uma decisão na próxima terça-feira e precisamos descansar bem os atletas, preparar psicologicamente. É um compromisso decisivo pela Copa do Nordeste e que precisamos estar muito focados para reverter o resultado ".

EVOLUÇÃO
" Até pela quantidade de oportunidades que criamos, deu para ver que estamos evoluindo. Temos muito a melhorar, tropeçar dentro de casa na Série C é difícil, vamos buscar fora. Mas antes queremos avançar no Nordestão ". 

DETALHES
" Futebol é assim, se você não mata o adversário vai lá e te penaliza. Eles foram felizes na finalização, no momento que você relaxa um pouquinho, fica difícil. É seguir trabalhando, a competição tem muita coisa pela frente ". 

Compartilhe:

Adriano Teixeira crê em injustiça no resultado e revela tristeza com circunstâncias

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.