Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

29,4285714285714

Classifique:

Futebol Profissional

Sofrendo com a falta de criação, Robert lamenta tempo curto para treinar

Publicado: quarta-feira, 2 de maio de 2018, às 11:02
Por: Leonardo Albertim

Contratado para acabar com a carência no setor ofensivo da equipe do Santa Cruz, Robert ainda não conseguiu emplacar uma boa sequência de jogos. O atacante completou sua partida de número quatro como titular, mas só balançou as redes uma única vez. Na derrota para o ABC/RN, nesta terça (1), o camisa 9 teve uma ótima oportunidade, mas acabou errando a cabeçada e passando em branco. 

Sobre essa fase vívida, um dos problemas citados que acabam atrapalhando seu rendimento dentro das quatro linhas é a falta de criação do time. Robert vem sofrendo constantemente com a necessidade de sair da área para buscar jogo, sem receber a bola em boas condições para finalizar. 

"A gente está criando pouco. A equipe deles (ABC) defendeu bem e dificultou pra gente criar os espaços. Fica difícil você sem receber as bolas. Não podemos falar só de quem errou, apenas trabalhar. Vamos pedir o apoio do torcedor e fazer valer o nosso mando de campo", comentou Robert.

O atacante iria comemorar caso houvesse tempo hábil para ajustar as coisas. Mas a logística coral, devido ao calendário apertado, complicou as coisas. Para a próxima partida, PC Gusmão terá apenas uma oportunidade de treinar a equipe e encarar o Remo, no Mangueirão. Ciente dos problemas, Robert espera uma equipe concentrada para fazer o melhor.  

"Infelizmente nosso calendário é assim. O jogador sofre bastante. O professor chegou e não teve tempo nenhum de treinar. É difícil, mas temos que jogar. Agora é um jogo difícil contra o Remo, mas nossa equipe está preparada e tenho certeza que vamos fazer um grande jogo", comentou. 

Compartilhe:

Sofrendo com a falta de criação, Robert lamenta tempo curto para treinar

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.