Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

77,25

Classifique:

Futebol Profissional

Feliz com atitude da equipe, Júnior Rocha elogia atletas vindos do banco

Publicado: domingo, 15 de abril de 2018, às 22:13
Por: Alexandre Ricardo

Demorou, mas o Santa Cruz chegou ao empate e saiu com um ponto do Clássico das Emoções, que marcou a primeira partida coral na Série C 2018. Depois de ver o Náutico abrir o placar ainda no primeiro tempo, o Mais Querido contou com a força do banco de reservas para correr atrás do prejuízo. 

O gol saiu dos pés de Jeremias, após receber passe de Augusto. Ambos entraram no segundo tempo, fazendo com que a equipe tricolor ficasse mais ofensiva. A determinação e a entrega do time foi comentada pelo técnico Júnior Rocha, logo após a estreia. 

" Nossa atitude foi boa. Foi um jogo aberto, franco, ofensivo. As duas equipes procurando o resultado e se houvesse um vencedor, não seria injusto. Nós conseguimos ajustar no segundo tempo. O pessoal que entrou no segundo tempo foi bem. Isso acontece porque eles se prepararam para este mérito, então mérito total para o grupo ", analisou o treinador. 

O gol sofrido pelo Santa Cruz chamou atenção. Momentos antes, aconteceu a mesma sequência de lances na bola parada alvirrubra, com o zagueiro Camacho escorando de cabeça para Ortigoza finalizar. Questionado sobre uma possível influência da baixa estatura da equipe, o técnico coral avaliou a dificuldade na disputa aérea. 

" A estatura influencia, principalmente quando fica indefinido o posicionamento. Teve um escanteio antes e aconteceu a mesma coisa. Pedi pra os zagueiros abrirem mais, o batedor deles não cobrava fechado. Sofremos, nos dois lances. Agora é hora de corrigir, mostrar vídeos e buscar os ajustes necessários ", disse Júnior Rocha. 

PANORAMA
" A questão da parte física foi algo que elogiei ao final do jogo. Nossos treinos são intensos. Conseguimos rodar mais a bola e criar. O Náutico estava bem fechado, esperando o nosso erro e foi bem nessa estratégia. Suportamos e tivemos o discernimento correto para buscar o resultado ".

DISPUTA 
" Durante a semana, vamos procurar corrigir os defeitos. Nossa disputa interna é boa. Sandoval fez um grande Paulistão e vai brigar por um lugar. Jeremias entrou bem, assim como o Augusto. O Maílton entrou já no finalzinho mas tem muita força, chega bem. Vamos fazendo as avaliações, mas gosto de ser honesto nas minhas escolhas ". 

EMPATE 
" Ninguém gosta de empatar e perder. O gosto da vitória é inconfundível. Mas os jogadores não estão errados quando falam em um ponto no clássico. Em competição de ponto corrido, o que se pede é pontuar fora e vencer em casa. O Náutico vem num nível de confiança muito grande e é uma equipe difícil de enfrentar ". 

Compartilhe:

Feliz com atitude da equipe, Júnior Rocha elogia atletas vindos do banco

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.