Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

77,25

Classifique:

O Clube

Constantino Júnior vai até a Justiça do Trabalho e conversa sobre situação do clube

Publicado: quinta-feira, 7 de dezembro de 2017, às 17:09
Por: Alexandre Ricardo

Um dos principais lemas de Constantino Júnior como presidente do Santa Cruz nos próximos três anos é buscar equilibrar as contas do clube. Nos últimos dois anos, o Mais Querido sofreu com receitas reduzidas e tenta construir um futuro melhor para a saúde financeira de todos os departamentos. 

Nesta quinta-feira(7), o novo mandatário eleito visitou a 12ª vara da Justiça do Trabalho, localizada no bairro da Imbiribeira, Recife. Em conversa com o juiz Hugo Melo e o diretor André Pessoa, ambos responsáveis pelo setor, Constantino Júnior pôde apresentar o comportamento que o clube deve tomar daqui para frente em relação aos processos judiciais. 

" Viemos conversar no sentido de buscar uma repactuação das ações. Tivemos um diálogo franco sobre a realidade do Santa Cruz. Mostramos nossa disponibilidade e a nossa vontade de trabalhar em cima deste assunto. Nosso jurídico e o nosso administrativo vão atuar afinando essa relação. Vamos poder acelerar e diminuir estes débitos, mesmo sabendo que nada vai ocorrer da noite para o dia, mas vamos trabalhar ", explicou o motivo da visita. 

Impressionado com a quantidade de débitos e situações que ocorrem relacionadas ao clube das três cores, o novo presidente executivo deixou claro que o objetivo é negociar os passivos e garantir o mínimo de tranquilidade para que o passado seja resolvido e o futuro não seja comprometido. 

A dívida não vai sumir, mas a partir do momento que você chama, negocia, a possibilidade é grande de acerto no futuro. Tem jogador que passou por aqui nos anos 2000, com processo completando quase 20 anos, e o débito é de 1 milhão de reais, com os juros da dívida de 10 mil por mês. É algo complicado que apenas com muita vontade e competência será solucionado ", finalizou.

Compartilhe:

Constantino Júnior vai até a Justiça do Trabalho e conversa sobre situação do clube

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.