Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Em jogo movimentando, Santa Cruz perde para o Paysandu em atuação inspirada de Bergson

Publicado: sábado, 18 de novembro de 2017, às 18:37
Por: Alexandre Ricardo

O TIME – Com a missão de comandar a equipe nas duas últimas rodadas da Série B, o Adriano Teixeira teve de quebrar a cabeça para montar a escalação. Sem Thiago Primão, João Paulo e Derley suspensos, nomes como o zagueiro Guilherme Mattis, os laterais Walber e Nininho e o volante João Ananias foram vetados pelo departamento médico. Apostando na juventude, o Santa Cruz foi escalado com: Jacsson; Bruno Silva, Anderson Salles, Sandro e Yuri; Wellington Cézar, Lucas Gomes e Natan; Augusto, Bruno Paulo e Halef Pitbull.

O JOGO – Sem muitas pretensões no campeonato, Paysandu e Santa Cruz protagonizaram um jogo interessante de se ver. A todo momento, os donos da casa buscavam o ataque e deram trabalho para a defesa coral, principalmente usando da velocidade pelos lados. 
No primeiro tempo, a Cobra Coral até tentava trocar passes, mas esbarrava na intensidade que o Papão da Curuzu implementou no jogo desde os momentos iniciais. Nomes como Caion, Magno e Fábio Matos realizavam bastante movimentação e exigia o máximo de atenção por parte do sistema defensivo tricolor. 
Atrás do placar em boa parte do jogo, o Santa Cruz teve de superar os desfalques e as substituições forçadas para encarar de igual para igual um Paysandu motivado para se despedir com um bom resultado diante do seu torcedor. O destaque ficou por conta de nomes como Marcílio e William Barbio, que entraram no decorrer do duelo e mostraram serviço.

GOLS – Dono das ações, o Paysandu abriu dois gols de diferença num intervalo de apenas três minutos. Aos 27 do primeiro tempo, Caion escorou levantamento na área e Bergson, livre na pequena área, abriu o placar. Na sequência, Magno realizou boa jogada individual e cruzou com força para Fábio Matos apenas completar para o gol. O Santa Cruz descontou por volta dos 12 minutos do segundo tempo, quando William Barbio lançou da esquerda para Augusto, que aproveitou a desatenção da defesa adversária para fazer o primeiro do Mais Querido na partida. Sem deixar respirar, o Paysandu fez o terceiro na partida logo depois, com Bergson completando cruzamento de Ayrton para fazer o seu segundo gol no jogo. O relógio marcava 30 minutos da etapa final, quando Marcílio acertou um belo chute de esquerda, de fora da área, para deixar o clube das três cores novamente perto do empate. Porém, faltando pouco mais de quatro minutos para o término do confronto, Bergson deu números finais ao placar depois de dominar com muita categoria dentro da área e deslocar o goleiro Jacsson.

MODIFICAÇÕES – A primeira mudança aconteceu logo aos 11 minutos de jogo. O meia Natan sentiu um desconforto na coxa direita e foi substituído por Marcílio. No intervalo, foi a vez de Bruno Paulo sair para a entrada de William Barbio. A última mexida ocorreu por volta dos dez minutos da etapa final, quando o prata da casa Ítalo foi acionado na vaga de Wellington Cézar.

Compartilhe:

Em jogo movimentando, Santa Cruz perde para o Paysandu em atuação inspirada de Bergson

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.