Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

34,3333333333333

Classifique:

Futebol Profissional

Treinador credita insucesso coral a mudanças excessivas durante a competição

Publicado: domingo, 12 de novembro de 2017, às 10:54
Por: Alexandre Ricardo

Ainda faltam três rodadas, mas o Santa Cruz já se encontra sem chances de conseguir uma reação e tentar permanência na Série B. Depois da derrota por 4x2 para o Boa Esporte/MG, o Clube do Povo voltará a disputar a terceira divisão do futebol nacional. 

Quarto treinador a comandar o time na Série B, Marcelo Martelotte foi bastante sincero ao lamentar o resultado negativo no interior mineiro. Depois de Vinícius Eutrópio, Adriano Teixeira e Givanildo Oliveira, o ex-goleiro recebeu a missão de tentar arrumar a casa, mas sem sucesso. 

De acordo com Martelotte, o elenco coral tinha qualidade suficiente para tentar coisas grandes na competição, mas os problemas relacionados a mudanças no comando e saída de outros jogadores contribuíram para que o desastre fosse concretizado de forma antecipada. 

" Quantos jogadores passaram pelo Santa Cruz durante a competição? Quantos jogadores foram embora do clube com o campeonato acontecendo? Eu entendo que o elenco seja bom, mas podia ser mais forte caso alguns nomes tivessem permanecido no grupo, oferecendo mais opções. Aliado a isso, teve o número de treinadores. Foram quatro, contando 35 rodadas não dá dez jogos para cada um. Toda esta situação desenhou a dificuldade que estamos vivendo hoje, mesmo enfrentando adversários fortes, mas atuando em nível de igualdade e até com superioridade ", opinou Martelotte.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Treinador credita insucesso coral a mudanças excessivas durante a competição

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.