Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

51,5

Classifique:

Futebol Profissional

Com a corda no pescoço, Santa Cruz tem semana visando Clássico das Emoções

Publicado: segunda-feira, 30 de outubro de 2017, às 10:52
Por: Alexandre Ricardo

Segue o drama coral na Série B. Agora, restam seis rodadas para o término da competição e o Mais Querido tem uma diferença de seis pontos para tirar e conseguir escapar do rebaixamento à terceira divisão. E o próximo duelo reserva um clássico diante do Náutico, que também agoniza na zona da degola.

Para o confronto, o técnico Marcelo Martelotte não poderá contar com o volante Wellington Cézar, que levou o terceiro cartão amarelo contra o Luverdense/MT. Em compensação, Nininho, Yuri e Derley voltam a ficar disponíveis. As dúvidas devem continuar por conta de Thiago Primão e Natan, que se encontram no departamento médico e se recuperam de lesões na coxa e no tornozelo, respectivamente. 

O elenco se reapresenta na tarde desta segunda-feira(30), iniciando mais uma semana cheia de trabalhos. Do outro lado, o time alvirrubro vem de um intervalo longo de preparação, já que entrou em campo pela última vez no dia 24 de outubro, empatando em 0x0 com o Juventude/RS. 

Logo após o empate do sábado(28), o técnico Marcelo Martelotte já falou sobre o confronto regional. Mencionando o peso da rivalidade, o treinador coral vai tentar trabalhar o aspecto psicológico e voltou a falar do nível que sua equipe vem mostrando nos últimos jogos, apesar dos tropeços. 

" Temos tido vários jogos com caráter decisivo. Um clássico por si só tem esse aspecto, contra o Náutico será mais uma final. Um jogo dentro da nossa casa, com a necessidade de vencer e a expectativa por conta dos cálculos no campeonato. A vitória é fundamental. Voltamos ao trabalho acreditando na permanência, porque temos jogado bem ", argumentou o treinador. 

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Com a corda no pescoço, Santa Cruz tem semana visando Clássico das Emoções

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.