Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

20,6

Classifique:

Futebol Profissional

Grafite estreia, mas sofre com baixa produtividade da equipe

Publicado: domingo,20 de agosto de 2017, às 19:29
Por: Alexandre Ricardo

Não foi do jeito que ele queria. Depois de oito meses, Grafite retornou ao Santa Cruz para sua quarta e provavelmente última passagem vestindo a camisa do Santa Cruz. No sábado(19), entrou em campo como titular e não pôde evitar a derrota coral por 2x0 para o Guarani/SP. 

Sem contar com Ricardo Bueno, vetado pelo departamento médico por conta de uma lesão no músculo adutor da coxa direita, o técnico Givanildo Oliveira optou por acionar o camisa 23 já diante do Bugre, contando com a boa condição física que o centroavante chegou ao clube, chegando a ser elogiado pela preparação física. 

Agora, a expectativa fica por conta do retorno de Ricardo Bueno aos trabalhos, já que a lesão foi de grau 1, considerada leve. O próximo compromisso coral acontecerá no sábado(26), às 16h30 no Estádio do Arruda diante do CRB/AL. Será o reencontro do ídolo tricolor com a torcida, apesar do momento conturbado da equipe. 

Ao final do baque em Campinas, Grafite comentou acerca da situação coral na competição. Depois de 21 rodadas, o Mais Querido entrou pela primeira vez na zona de rebaixamento. Segundo o atacante, é necessário muito trabalho para que o panorama se reverta o mais breve possível. 

" O momento é de união, para que a gente possa vencer no próximo jogo. Estamos criando pouco, sem intensidade, não incomodamos os adversários. Quando acontece isso, fica mais difícil sair gol, construir as vitórias. Só nos resta trabalhar para sair desta situação ”, afirmou Grafite.

Compartilhe:

Grafite estreia, mas sofre com baixa produtividade da equipe

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.