Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

88,2857142857143

Classifique:

Futebol Profissional

Givanildo comemora boa atuação e mostra preocupação com cartões e lesões

Publicado: sexta-feira, 7 de julho de 2017, às 22:27
Por: Leonardo Albertim

Foi uma noite de retomadas na Arena de Pernambuco. Além de ter Givanildo Oliveira no banco de reservas, o torcedor tricolor conseguiu comemorar de novo uma vitória após quatro rodadas e reacendeu a esperança de um possível acesso. Após bater o Brasil/RS por 3x0, o treinador coral comemorou o fato de ter encontrado o equilíbrio necessário.
 
“Tivemos volume de jogo do início ao fim. E isso me deixa muito satisfeito. Às vezes isso oscila. Tem um volume bom no primeiro e não tem no segundo. Eu queria esse equilíbrio e tivemos. Buscamos sempre os gols. Abrimos boa vantagem no primeiro tempo, no segundo fizemos o terceiro e continuamos buscando o quarto, mas não saiu. Foi uma vitória muito boa”, comemorou Giva.
 
A vitória fez o Santa alcançar os 17 pontos na Série B e aguarda o andamento da rodada para ver se permanece na parte de cima da tabela. Com pouco tempo para trabalhar antes da vitória diante do Brasil de Pelotas, Givanildo ressaltou o fato dos jogadores assimilarem o que foi passado durante os treinos.
 
“É uma vitória importante. Não só para mim, mas para o grupo também. Fizemos apenas três trabalhos, só um coletivo. Vi uns lances contra o Oeste, onde o Santa perdeu por 2x0, conversei com Adriano e passei para os atletas. Eles assimilaram algumas coisas. Se não ganhássemos o jogo, podíamos ficar perto do Z4 e eles entenderam isso. Jogamos um bom futebol e fizemos três gols em um adversário difícil”, analisou.
 
ATUAÇÃO
“Tivemos um coletivo e teve uma hora que invertemos a posição dos atacantes. André (Luis) é canhoto, às vezes é mais vantajoso atuar pela direita. Ele, inclusive, merecia o gol, mas bateu no travessão. Essa inversão foi importante, juntamente com a movimentação do João (Paulo) pelo meio campo. Não foi um grande jogo, mas foi uma boa partida”.
 
JOÃO PAULO
 “Ele é aquele meia ligado, atrevido. Alguns meias são mais para cadenciar, tocar de lado. Ele, na minha época, seria conhecido como formiguinha. Gosta de ir pra cima. Me surpreendeu muito, até pelo fato de ter aguentado jogar até o final da partida”.
 
DESGASTE
“Vamos avaliar a questão do Elicarlos. Ele teve que sair. O Derley também. Pedi para ele aguentar até onde dava. São titulares e temos uma carência nesse setor. Era pra ter cinco volantes no elenco e não temos. Vamos avaliar e torcer para que eles estejam em condições de jogo”.
 
CARTÕES E LESÕES
 “Nossa relação de jogadores com segundo cartão amarelo é grande. Temos que procurar no elenco e levar o melhor que tivermos para a viagem. Temos uma situação grande no DM (Departamento Médico). Dois atletas (Bruno Paulo e Léo Lima) treinaram hoje, não sei se vão treinar amanhã e se vão ter condições de jogo. Vamos continuar nossa batalha. Foi importante demais ganhar esse jogo”.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Givanildo comemora boa atuação e mostra preocupação com cartões e lesões

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.