Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

25,75

Classifique:

Futebol Profissional

Adversário coral na estreia, Criciúma busca regularidade

Publicado: sábado, 13 de maio de 2017, às 11:26
Por: Alexandre Ricardo

Se tem uma palavra que pode definir o adversário do Santa Cruz na estreia da Série B 2017 é irregularidade. Nos últimos anos, a equipe que hoje é comandada pelo ex-jogador Deivid vem tropeçando em momentos decisivos da Série B. O Criciúma/SC, clube tradicional no sul do país, é o único campeão catarinense da Copa do Brasil, com participações na Copa Libertadores da América. O confronto entre a Cobra Coral e o Tigre ocorre às 16:30 deste sábado(13), às 16:30 no Heriberto Hulse.

Disputando o Campeonato Brasileiro da Série B consecutivamente desde 2015, o Criciúma tem uma temporada discreta até agora. No Campeonato Catarinense, chegou a brigar pelo título do segundo turno, mas a conquista acabou escapando para a Chapecoense. Na Copa do Brasil, o time da região carvoeira caiu na terceira fase para o Fluminense/RJ, em duas partidas disputadíssimas. A outra competição foi a Copa da Primeira Liga, uma péssima campanha: 3 derrotas na fase de grupos para Brasil de Pelotas/RS, Fluminense/RJ novamente e Internacional/RS. 

Há 3 semanas sem jogos oficiais, a equipe que conta com nomes conhecidos do futebol brasileiro como os experientes goleiro Luiz e o atacante Jheimy, vem realizando jogos-treino em preparação para a competição nacional. Sem poder contar com o volante Barreto, Deivid deve formar a equipe com Luiz; Diogo Mateus, Raphael Silva, Diego Giaretta e Marlon; Ricardinho, Paulinho e Douglas Moreira; Silvinho, Jheimy e Caio Rangel.

ELOGIOS 

Com um esquema que conta com 3 volantes (Ricardinho, Paulinho e Douglas Moreira), o ex-atacante Deivid de 37 anos, arma sua equipe com cautela visando a estreia contra o Santa Cruz. No seu segundo clube como treinador(o primeiro foi o Cruzeiro/MG), Deivid esbanjou elogios ao comandante coral Vinícius Eutrópio. 

" Eu fiz dois treinos, um com 2 volantes e outro com 3. Será um jogo difícil, pois o Vinícius(Eutrópio) é um cara muito inteligente, um treinador experiente. A equipe tem ritmo de jogo, está jogando quarta e domingo, enquanto nós ficamos 3 semanas parados, isso atrapalha. O mais importante é tentar jogar e imprimir nosso ritmo, buscando a vitória dentro de casa ", falou Deivid, que valorizou o fato do Santa Cruz estar jogando regularmente.

Compartilhe:

Adversário coral na estreia, Criciúma busca regularidade

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.