Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

61,8

Classifique:

Futebol Profissional

Elenco do Santa Cruz demonstra preocupação com força do Salgueiro no Cornélio de Barros

Publicado: domingo, 16 de abril de 2017, às 18:30
Por: Daniel Lima

Assim como o técnico Vinícius Eutrópio, os jogadores do Santa Cruz comemoram bastante a vitória magra sobre o Salgueiro por 1 a 0, no estádio do Arruda, mas ignoraram a vantagem de jogar pelo empate na partida de volta das semifinais do Campeonato Pernambucano. O segundo jogo será no próximo sábado (22), no Cornélio de Barros, às 19h. Para o novo duelo, o lateral esquerdo Tiago Costa espera as mesmas dificuldades encontradas dentro de casa e por isso elogia o poder de organização do adversário.  

“A gente começou a fazer resultado em casa. Fizemos o gol e vencemos. Agora é descansar e focar no jogo contra o Salgueiro. O time deles é uma equipe forte e organizada. Tivemos que ter muita paciência para trabalhar a bola e conseguir a brecha para o pênalti, que foi convertido em gol", declarou o camisa 6 coral. 

Um dos líderes do elenco atual, o goleiro Júlio César exalta a qualidade do Carcará e sabe que a tendência é que o embate no Sertão seja ainda mais difícil para o Santa. “Foi um jogo muito difícil e vai ser do mesmo nível de dificuldade (em Salgueiro). Acredito que lá vai ser mais complicado. Queria que a gente tivesse ganho de 4 a 0, mas o nosso adversário tem muita qualidade",alertou. 

O volante Elicarlos, que entrou na parte final do segundo tempo, também destaca a força do Salgueiro, mas garante dar o máximo para conseguir uma vaga na final do estadual. "O jogo foi bastante complicado porque eles marcam muito forte. A equipe do Salgueiro está de parabéns, mas pode ter certeza que vamos lutar até o final", finalizou o atleta. 

 

Compartilhe:

Elenco do Santa Cruz demonstra preocupação com força do Salgueiro no Cornélio de Barros

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.