Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

47,5384615384615

Classifique:

Futebol Profissional

Com seis derrotas nos últimos sete jogos, Milton Mendes não teme demissão no Santa Cruz

Publicado: domingo,26 de junho de 2016, às 15:49
Por: Redação CoralNET

A má fase do Santa Cruz na Série A pode até incomodar o técnico Milton Mendes. Porém, ele está seguro no trabalho que tem feito à frente do clube e por isso não tem receio de perder o cargo pela falta de resultados. Mesmo com a terceira derrota seguida, desta vez para o Corinthians/SP por 2 a 1, fora de casa, o treinador segue firme no comando e tem o apoio total da diretoria para continuar conduzindo a equipe. 

"Eu sou um sujeito que encaro a minha profissão de peito aberto. Não tenho esse problema e nem medo de demissão. Tento fazer o meu trabalho pautado em cima das coisas que são colocadas diariamente. Inclusive, os nossos diretores acompanham os treinos. Isso não me preocupa, mas fico preocupado com o que vem de fora. No meu ponto de vista, não é melhor (demitir), até porque analiso o trabalho feito ao invés do resultado”, avaliou. 

Para Milton Mendes, o futebol deveria ser avaliado num todo. No entanto, na visão do treinador, a cultura do resultado acaba estragando o trabalho da maioria dos técnicos, que são demitidos após uma sequência negativa.  “Lá atrás me perguntaram se os treinadores precisaram de uma reciclagem. Todo o futebol precisa de uma reciclagem, os jornalistas, os treinadores e os diretores... Acho que não pode se pautar apenas pelo resultado, e sim pelo trabalho", disse. 

O técnico do Santa Cruz defende exclusivamente a ideia de um planejamento a longo prazo e enxergar o futebol pautado pela razão, voltando a colocar o resultado em segundo plano. 

“São três itens importantes no meu ponto de vista que fazem com que os jogadores comecem a entender as ideias do treinador. Processo de construção, assimilação e execução. Quando você demite um técnico, é um retrocesso, pois tem que começar tudo novamente. Entendo que a nossa cultura é essa, mas é preciso ter paciência com o trabalho. Tem diretor que não olha se o trabalho está feito de uma forma coerente, se a equipe está jogando bem, e com quatro derrotas demite o técnico”, encerrou.  

Compartilhe:

Com seis derrotas nos últimos sete jogos, Milton Mendes não teme demissão no Santa Cruz

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.