Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

42,1363636363636

Classifique:

Futebol Profissional

Com jogos duros pela frente, técnico do Santa Cruz pede urgência nas contratações

Publicado: domingo,19 de junho de 2016, às 18:56
Por: Redação CoralNET

A frase "na Série A não existe jogo fácil" já virou rotina no Santa Cruz. Depois de enfrentar o Palmeiras/SP e perder pelo placar de 3 a 1, na Arena Allianz Parque, o time comandado pelo técnico Milton Mendes tem uma sequência com mais dois jogos duros. Na próxima quarta-feira-feira (22), o duelo será contra o Flamengo/RJ, no Arruda. Três dias depois, no sábado (25), volta a São Paulo para encarar o Corinthians/SP.

Até agora, o Santa jogou nove partidas na Série A. São três vitórias, dois empates e quatro derrotas, com 11 pontos e um aproveitamento igual a 40,7%. Nas últimas cinco rodadas, foram quatro derrotas. Diante da dificuldade da competição, o técnico Milton Mendes pediu agilidade na chegada de reforços para buscar uma regularidade.

"Nosso time está trabalhando dentro do limite que temos, mas também estamos buscando reforçar. O campeonato é muito longo e precisamos urgentemente reforçar nosso quadro, pra termos jogadores para bater de frente com essas boas equipes”, ressaltou.

Para a disputa do Brasileiro, a diretoria do Santa Cruz, até o momento, contratou cinco jogadores: laterais Mário Sérgio e Roberto, volante Alex Bolaño, meia Fernando Gabriel e atacante Everaldo. Desses, quatro trabalharam com Milton Mendes e foram indicados pelo técnico.

A prioridade é a contratação de um zagueiro e um volante. Especula-se que o zagueiro Wellington (foto), que está na Ponte Preta/SP e pertence ao Palmeiras/SP, está próximo de acertar um empréstimo até o fim do ano com o clube coral.

Compartilhe:

Com jogos duros pela frente, técnico do Santa Cruz pede urgência nas contratações

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.