Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

12,875

Classifique:

Futebol Profissional

Milton Mendes lamenta derrota contra o Palmeiras, fala em reforços e revela lições aprendidas na partida

Publicado: sábado,18 de junho de 2016, às 19:04
Por: Messias Amorim

O Santa Cruz voltou a perder no Campeonato Brasileiro. O time não conseguiu surpreender o Palmeiras/SP e foi derrotado por 3 a 1, neste sábado (18), no Allianz Parque. O time coral segue sem vencer fora de casa na competição. Em entrevista coletiva, o técnico Milton Mendes avaliou a partida e destacou a qualidade do Palmeiras. O treinador comentou ainda o bom segundo tempo do Santa e revelou que a estratégia era jogar as duas etapas do jogo da mesma forma.

“A nossa estratégia era jogar o primeiro tempo como jogamos o segundo. As coisas não saíram como deveriam e chamei a atenção no intervalo. Acho que essa mudança de atitude foi mais em termos psicológicos, pois nossa estratégia era essa. Não se perde jogo antes de começa-lo, nossa intenção era pressionar alto, tentar roubar as bolas e fazer os gols perto da área deles”, destacou Mendes.

“Infelizmente não aconteceu da forma que queríamos e saímos perdendo jogo. Mostrei para eles que tínhamos tanta coisa para ganhar se tentássemos sempre mostrar algo mais. Mas não estávamos conseguindo fazer isso no primeiro tempo. Méritos da equipe do Palmeiras que está bem treinada e vive um momento muito bom”, ressaltou.

REFORÇOS
“Nós armamos nossa estratégia pra esse jogo, mas já penso no jogo do Flamengo em casa. Eu lamento. Quando nos reunimos falei que nossa referência sempre é o segundo tempo e vir aqui dentro para jogar como jogamos o segundo tempo não é para qualquer equipe. Nosso time está trabalhando dentro do limite que temos, mas também estamos buscando reforçar. O campeonato é muito grande e precisamos urgentemente reforçar nosso quadro, pra termos jogadores para bater de frente com essas boas equipes”, disse.

LIÇÕES
“Vimos que os nossos jogadores se inibem quando precisam atacar, mas quando levam gol se soltam. Isso é uma lição que temos que trabalhar com os jogadores. É um ponto importante que temos que analisar mais profundamente. Sem dúvidas, nosso segundo tempo foi muito bom, assim como foi contra o Santos e em outros jogos. O grande desafio é jogar os 90 minutos da mesma forma e não esperar perder para poder reagir. Conseguimos reagir bem e fica a imagem do segundo tempo, que é essa que temos que ter”, finalizou.

Compartilhe:

Milton Mendes lamenta derrota contra o Palmeiras, fala em reforços e revela lições aprendidas na partida

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.