Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

96,1333333333333

Classifique:

O Clube

"Precisávamos alcançar a regularidade fiscal e financeira", diz Alirio Moraes sobre CT

Publicado: sexta-feira, 13 de maio de 2016, às 10:23
Por: Messias Amorim

Embora o Santa Cruz tenha alcançado conquistas importantes no início desta temporada, mais uma, em especial, seria muito bem vinda. Um Centro de Treinamento. Diferente dos rivais, Náutico e Sport, o Santa não dispõe de um lugar específico para treinos e já é comum as atividades corais serem realizadas no Estádio do Arruda. Contudo, o Presidente do clube, Alírio Moraes, declarou que o projeto do CT tricolor está em andamento e que é inadmissível um clube como o Santa Cruz não possuir um Centro de Treinamento. O presidente ainda revelou as dificuldades que teve até aqui.

“É inadmissível que um clube alçado ao patamar que o Santa Cruz está não tenha um Centro de Treinamento. É sabido que o Santa já tem um terreno adquirido e que se tem um projeto de arquitetura e engenharia praticamente finalizado. Contudo, precisávamos alcançar a regularidade fiscal e financeira com credores para que a construção não ficasse comprometida”, ressaltou.

Alírio disse que espera resolver toda a documentação ainda este mês, para que o início da construção do tão sonhado CT coral seja uma realidade. O presidente quer planejar todas as dívidas que o clube irá ter para não comprometer o pagamento da obra.

“Depois desse um ano e meio de gestão, devemos estar conseguindo para este mês, a liberação das certidões negativas e a formalização de um novo acordo por parte da justiça do trabalho, e estarei apresentando nos próximos dias um plano de pagamento. Com as dívidas e formas de pagamento planejadas, poderemos dar esse passo definitivo da construção do no nosso tão sonhado CT”, finalizou.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

"Precisávamos alcançar a regularidade fiscal e financeira", diz Alirio Moraes sobre CT

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.