Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

95,0769230769231

Classifique:

Futebol Profissional

Com escalação confirmada, Martelotte explica improvisação de Marlon na zaga

Publicado: domingo,4 de outubro de 2015, às 18:10
Por: Daniel Lima

O técnico Martelotte mais uma vez foi pragmático e confirmou a escalação do Santa Cruz para enfrentar o CRB/AL. Sem mistério, ele ratificou: "O time que treina durante a semana é o mesmo que joga".  Entre os onze titulares, são duas as mudanças: o lateral esquerdo Marlon vai atuar improvisado na zaga no lugar de Alemão e o meia Renatinho ocupa o posto de Lelê. O treinador explicou as alterações e quer a mesma postura dos últimos jogos na Série B.

 Caso não ocorra nenhum imprevisto, o Santa Cruz entra em campo com Tiago Cardoso; Vítor, Danny Morais, Marlon e Allan Vieira; Wellington Cézar, João Paulo, Renatinho, Daniel Costa e Luisinho; Grafite. Embora Martelotte tenha o zagueiro Walter Guimarães, prata da casa, no banco de reservas, a preferência foi improvisar Marlon na defesa. O comandante explicou o motivo da escolha e disse que o jogador tem mais experiência. Além disso, lembrou que no último jogo, contra o Bragantino/SP,  o lateral esquerdo foi acionado no segundo tempo para atuar como zagueiro.

"O time está definido, é o mesmo que treinou durante a semana. Com Renatinho no lugar de Lelê e Marlon na vaga de Alemão. Renatinho tem essa característica de atuar pelos lados, já fez essa função. A escolha é para manter a característica. Marlon conhece a posição, já jogou na zaga, tem característica de atuar na defesa. A escolha vai pela experiência também. Acredito em uma boa participação de Marlon na terça-feira", analisou.

CRB
"É um adversário de qualidade, que vem jogando bem. É um time que tem que ser respeitado, pois joga bem com o fator casa. Precisamos estar preparados para encarar o CRB. A gente vive um bom momento. Vai ser um jogo parecido com o do Sampaio (Corrêa)", alertou.

G4
"Não há como administrar ansiedade sem pensar em evoluir. Vamos seguir pensando em cada ponto, em cada jogo. A dificuldade entre chegar e se manter (no G-4) é a mesma. É impossível sempre vencer, mas tivemos uma grande campanha de recuperação e precisamos manter isto daqui para frente", finalizou.

Foto: CoralNET

Compartilhe:

Com escalação confirmada, Martelotte explica improvisação de Marlon na zaga

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.