Coralnet.com.br - Página principal

Com o Santa Cruz das arquibancadas para o Mundo - desde 1996

Plantão de Notícias

77,25

Classifique:

Futebol Profissional

Santa Cruz encerra maratona de jogos do mês de setembro com saldo positivo

Publicado: quinta-feira,1 de outubro de 2015, às 10:21
Por: Daniel Lima

O Santa Cruz conseguiu "sobreviver" à maratona de jogos realizados no mês de setembro. Por sinal, os cinco primeiros num intervalo de apenas 15 dias. Além da distância curta de um jogo para outro, o time mal teve tempo para treinar e também precisou suportar o desgaste físico. No final das contas, o tricolor encerrou com um saldo positivo - em oito partidas (cinco como mandante e três como visitante), foram cinco vitórias, dois empates e apenas uma derrota, para o Paysandu/PA, no Arruda.

O técnico Marcelo Martelotte fez questão de elogiar os responsáveis pela preparação física da equipe. Para ele, esse foi um dos méritos para o time "voar" mais alto e entrar no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B. "Primeiro temos que parabenizar nosso pessoal da parte física. Jogamos sábado contra o Sampaio, no calor e num campo pesado. Então a comissão e os nossos atletas estão de parabéns. Chegamos aqui porque pensamos jogo a jogo", exaltou.

Agora, o Santa volta a atuar na próxima terça-feira (6), contra o CRB/AL, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O jogo será disputado no estádio Rei Pelé, em Maceió.

OS OITO JOGOS DO SANTA NO MÊS DE SETEMBRO:
01/09 – Santa Cruz 2 x 1 América/MG (22ª rodada)
04/09 – ABC/RN 1 x 1 Santa Cruz (23ª rodada)
08/09 – Santa Cruz 1 x 2 Paysandu/PA (24ª rodada)
12/09 – Santa Cruz 2 x 0 Luverdense/MT (25ª rodada)
15/09 – Boa Esporte/MG 1 x 3 Santa Cruz (26ª rodada)
19/09 – Santa Cruz 2 x 1 Ceará/CE (27ª rodada)
26/09 – Sampaio Corrêa/MA 0 x 0 Santa Cruz (28ª rodada)
29/09 - Santa Cruz 3 x 1 Bragantino/SP (29ª rodada)

Compartilhe:

Santa Cruz encerra maratona de jogos do mês de setembro com saldo positivo

* Os comentários são de total responsabilidade dos internautas. Não toleramos mensagens contendo palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa.